Blog

Os Quatro Elementos do Sexo

Postado por:

Já pensou que a Astrologia e os Quatro Elementos poderão ajudar a entender a sua sexualidade e a melhor forma de a expressar?

Pessoas com muita energia de Fogo – correspondente aos signos de Carneiro, Leão, Sagitário – tendem a viver a sexualidade de forma muito física, livre, com um certo desapego sentimental.

Ou seja, o sexo pode ser encarado simplesmente como um desafio, uma actividade física libertadora, um desporto, que ajuda a reforçar o Ego. Nestes casos, pode haver um propósito mais individualista e auto-centrado.

Particularmente, se alguém tiver um planeta como Vénus posicionada nestes signos, haverá inclinação natural para este estilo sexual, bem aventureiro e conquistador.

Por outro lado, as pessoas de Ar – com muitos planetas posicionados nos signos de Gémeos, Balança e Aquário – precisam de uma componente de amizade e entendimento intelectual para se envolverem totalmente.

A sexualidade poderá ser vivida com leveza, com vontade de inovação e com graça. A excitação começará logo no flirt, nas conversas e trocas de palavras, que serão as tochas emocionais.

Este estilo pode oscilar entre o puro platónico ao mais social dos swingers, uma vez que o Ar gosta de variedade e de contacto social.

Pessoas com muita energia de Terra – planetas posicionados em Touro, Virgem, Capricórnio – precisarão de muita confiança e estabilidade para se expressarem plenamente, a nível sexual.

Naturalmente sensoriais, terão um ritmo mais lento e metódico para apreciar os corpos ao máximo. Ainda que pouco criativos e arriscados, poderão ser também amantes incansáveis e muito leais.

O estilo Terra pode variar entre a grande seca rotineira, a actividade sexual mensal marcada na agenda, ou a mais longa das maratonas tântricas.

O Elemento Água – associado aos signos de Caranguejo, Escorpião e Peixes – é o mais associado à dimensão sexual da existência; é o bater do coração e a segregação hormonal.

Por essa razão, pessoas com muitos planetas em Água são naturalmente mais quentes e carinhosas, mais afectuosas e intensas na intimidade. Tendem a viver ao limite os seus sentimentos, a paixão e o amor, mesmo que percam totalmente a sua identidade.

O estilo da Água pode ser algo manipulativo e dependente mas também intensamente apaixonado, absoluto e orgásmico.

A sexualidade através dos Quatro Elementos poderá ser vista então da seguinte maneira: o Fogo é Físico; o Ar é Amizade; a Terra é Tantra; a Água é Amor.

Um ser humano completo viverá em plenitude estas quatro dimensões, em cada acto sexual.

Artigos Relacionados:

3

Comentários

  1. Bernardo Pizarro  Abril 9, 2014

    Olá João!

    Identifico-me muito com a água (como bom escorpião que sou).
    É curioso notar os vários tipos de pessoas. Há pessoas que lidam com o sexo de forma tão somente física, ríspida, vazia. Enquanto que outros parecem adormecidos, imunes a esse chamamento, mas que poderão ser quem terá mais paciência para o apreciar (Terra).

    Gostei muito deste artigo!

    Abraço!

    responder
    • joaomed  Abril 9, 2014

      Caro Bernardo, obrigado pela partilha! Tudo de bom, JM

      responder
  2. larissa  Maio 7, 2015

    amei esse site♡,me identifico muito,todos os posts são otimos

    responder

Adicionar um comentário


Share This

Receba grátis o 1º Ebook da coleção Zodíaco - o Signo de Gémeos/ Brisa , ao subscrever a newsletter!

  • Conheça o Signo de Gémeos / Brisa em detalhe
  • Padrões Comportamentais
  • Características Fisionómicas
  • Os Diversos Planetas no Signo
  • A Simbologia dos 30 Graus com imagens